Histórico da Marchetaria...

Marchetaria é uma arte milenar de um gênero raro de incrustação ou aplicação de partes recortadas de madeira, marfim, bronze etc., em objetos de marcenaria, formando desenhos dos mais diversos tipos. Os mais antigos exemplares de marchetaria encontram-se nas escavações no Egito datam de 3.000 aC. As peças encontradas são caixas, assentos, cadeiras, mesas fabricada com técnica e estilo muito refinado que se assemelham à arte nouveau do inicio do século XX. Foram encontradas também, peças com incrustações em marfim que remontam à era pré-dinástica (anterior a 2.000 aC). Voltando os olhos ao passado longínquo, descobrimos a marchetaria adornando templos de deuses da antiguidade, como em Uruk, onde escavações revelaram trabalhos em marchetaria usando pedras coloridas como material básico. Escavações no Egito mostraram as marchetarias em caixas de toalete, cadeiras e mesas, fabricadas numa técnica muita avançada. A partir do século XII, a marchetaria começou a desenvolver-se principalmente com trabalhos em Mosteiros e Catedrais de Verona na Itália. França, Inglaterra, Itália e Alemanha foram os paises que mais difundiram a marchetaria no período da idade média. Daqueles remotos tempos até nossos dias, a marchetaria, seja associada a móveis, emprestando-lhes a beleza, seja como arte autônoma, percorreu longo e diferente caminho, sempre se adequando fielmente aos meandros da moda e do estilo da época respectiva.



...